Empilhadeira elétrica

Empilhadeira elétricaComprar empilhadeira elétricaEmpilhadeiras elétricas
Estas imagens foram obtidas de bancos de imagens públicas e disponível livremente na internet

PROCESSOS OTIMIZADOS COM A AJUDA DA EMPILHADEIRA ELÉTRICA

A otimização de atividades que se referem à logística dos processos como o transporte, armazenamento e estocagem é algo constantemente buscado em todas as empresas, estabelecimentos comerciais e indústrias que buscam, cada vez mais, melhores resultados.

As atividades realizadas pelas empilhadeiras promovem economia de espaço nos galpões e outros locais de armazenamento de mercadorias. Essa economia de espaço envolve, também, economia de dinheiro, visto que áreas maiores custam valores maiores.

Caso exista a problemática de falta de estoque, a empilhadeira elétrica, manual ou a combustão oferece solução à este problema, realizando a verticalização do estoque, ou seja, organizando as mercadorias de acordo com as estruturas verticais colocadas no local.

OTIMIZAÇÃO DE PROCESSOS

As empilhadeiras, entre elas o modelo de empilhadeira elétrica, realizam função de deslocar e organizar produtos que, geralmente, estão em grandes números nos estoques, galpões, centros de distribuição e outros lugares desse tipo. Com a colaboração desse maquinário, os processos de deslocamento e organização são otimizados, sendo mais simples, ágil e eficiente.

A máquina vem ganhando espaço nos processos de logísticas relacionados ao transporte e a estocagem de mercadorias há tempos, pois otimizam as atividades e ainda aumentam a produtividade nos locais em que são utilizadas pois, entre outros fatores, diminuem esforços físicos e desgaste dos funcionários.

Um outro ponto sobre a produtividade está no fato de que existem modelos de máquinas que são direcionadas para ambientes de trabalho que possuem baixas temperaturas, como frigoríficos e câmaras frias para armazenamento de determinados tipos de mercadorias.

A legislação que garante as boas condições de trabalho exige que os funcionários que exercem atividades em locais como estes realizem uma pausa em temperatura ambiente por um período de 30 minutos, a fim de evitar que problemas de saúde possa vir a ocorrer. Ao utilizar a máquina empilhadeira com cabine climatizada, este tempo de pausa não se faz mais necessário, o que aumenta a produtividade e a agilidade em realizar essas atividades.

TIPOS

Uma forma de classificar as empilhadeiras é de acordo com o tipo de energia que os maquinários utilizam para que estejam em funcionamento. De acordo com esse fator, elas podem ser manuais, elétricas e à combustão.

MANUAL

Este tipo de equipamento tem funcionamento por meio de trabalho braçal. Este trabalho, no entanto, não se trata de um esforço extremamente pesado. A empilhadeira manual possui alguns mecanismos que colaborar para que o seu uso seja facilitado, que são as roldanas e o sistema de rolamento, que ajuda na hora de elevar a torre para manusear as mercadorias.

O operador responsável pelo maquinário deve, para conseguir elevar as mercadorias, acionar a alavanca hidráulica flexionando-a, fazendo com que a torre seja elevada. A movimentação do equipamento em si, ou seja, da empilhadeira, é realizada empurrando-a ou puxando-a, o que acaba ocasionando em um pouco mais de trabalho, se comparado aos modelos elétricos e à combustão.

À COMBUSTÃO

Esta classificação de empilhadeiras possui subcategorias, que são à gás, à diesel e à gasolina. O maquinário à gás tem seu funcionamento movido por gás liquefeito, caracterizado por possuir alta capacidade de carga em relação às máquinas manuais e elétricas. Apesar de apresentarem ótimos índices relacionados à economia de gás, sua manutenção costuma ser mais cara se comparada aos outros modelos.

As empilhadeiras movidas à diesel e à gasolina são capazes de suportar grandes cargas, característica que difere esse modelo dos demais. As que funcionam por meio do diesel apresentam mais economia em relação à gasolina, devido o valor do combustível.

Os equipamentos deste tipo são mais utilizados em docas e portos, podendo alcançar cerca de oito metros e elevação e capacidade para suportar aproximadamente 70 toneladas de cargas. Como emitem gases poluentes e, portanto, prejudiciais à saúde, durante seu funcionamento, o uso de empilhadeiras a combustão não costuma ser indicado em locais fechados.

EMPILHADEIRA ELÉTRICA

A empilhadeira elétrica, assim como o próprio nome já revela, funciona por meio do armazenamento de energia elétrica em baterias. Devido este fato, seu funcionamento não produz tanto ruído quanto os outros tipos de máquinas, um ponto positivo para este modelo.

Outra vantagem da empilhadeira eletrica é que, devido seu funcionamento se dar por meio de energia elétrica, ela não realiza emissão de gases poluentes, o que permite que seu uso seja realizado tanto em ambientes abertos, quanto fechados.

PARTES DE UMA EMPILHADEIRA ELÉTRICA

Apesar de cada tipo e cada modelo de empilhadeira possuir design específico e, portanto, características específicas, alguns componentes costumam ser comuns na estrutura de uma empilhadeira elétrica são:

  • Correia ou polia;
  • Torre de elevação;
  • Sistema hidráulico;
  • Alavanca de controle da torre;
  • Correia de elevação;
  • Chassi;
  • Teto da cabina;
  • Plataforma de carregamento;
  • Garfo;
  • Compartimento motor.

ESCOLHENDO A MELHOR OPÇÃO

Como existem opções que funcionam com diferentes tipos de energia e diversos modelos de empilhadeiras disponíveis no mercado, entre elas a empilhadeira elétrica, para as mais variadas funções e mercadorias que serão transportadas e armazenadas, é comum que o comprador possua algumas dúvidas no momento em que tiver que decidir o maquinário ideal para o que precisa. Para colaborar na decisão, existem alguns tipos de questionamentos que, se levados em conta e bem pensados, podem facilitar no momento. Alguns deles são:

O que vou carregar e armazenar?

Realizar uma análise sobre o produto que será transportado interfere diretamente no tipo de máquina que deve ser adquirida. Existem modelos de empilhadeiras que possuem estrutura e tipo de funcionamento que são mais indicadas, por exemplo, para realizar o transporte de mercadorias mais frágeis, e modelos que têm capacidade para suportar pesos e dimensões maiores.

Em qual local será utilizada?

Assim como a importância de saber qual o tipo de mercadoria será transportada, ter definido o local em que será utilizada a empilhadeira também é extremamente importante. Isso porque existem modelos que, devido sua fonte de energia, emitem gases que, além de poluentes, são tóxicos e podem ocasionar em doenças para as pessoas que trabalham no local. Além disso, existe o fator ruído: alguns modelos podem fazer barulhos altos enquanto funcionam, sendo necessário o uso de equipamentos de proteção individual como os protetores auriculares ou os abafadores de ruído.

No caso de ambientes mais abertos, externos, indica-se a utilização de empilhadeira a combustão, pois são opções mais em conta e que se adaptam facilmente em locais com solo irregular. No caso de ambientes internos, mais fechados, a empilhadeira elétrica é a melhor opção, visto que seu funcionamento emite menos ruídos e a não emissão de gases poluentes e tóxicos para a saúde.

Quanto quero gastar?

Ao comprar um equipamento como este, é importante ter em mente que a realização de manutenções e revisões periódicas devem ser feitas. A qualidade dessas manutenções contam muito e, por isso, realiza-las com profissionais e empresas de assistência técnica qualificadas demandam gastos mas também garante que o funcionamento desses equipamentos terá maior vida útil.

A revisões, geralmente, envolvem trocas de óleo e de filtro, além da troca de peças, caso exista necessidade. Pensar sobre os valores disponíveis no orçamento mensalmente e periodicamente pode ser decisivo no momento de comprar de um material como este. Se o orçamento não conseguir suprir as necessidades que a empilhadeira elétrica, à combustão ou manual pode oferecer, uma boa saída é realizar o aluguel temporário do maquinário. Isso fará com que o gasto não seja fixo e, ainda, assim, permitirá que seja possível aproveitar as facilidades que este equipamento oferece.

Qual estrutura tenho disponível?

Fazer uma breve análise sobre as dependências de onde a máquina irá funcionar ajuda para que a melhor decisão seja tomada. É importante atentar-se em relação à altura do local, bem como a largura dos corredores.

Isso porque existem modelos de empilhadeiras que possuem dimensões maiores e menores e que, portanto, são mais indicados para ambientes com espaços maiores e menores também. Ter noção do quanto a empilhadeira deve ter de elevação também é importante, pois de nada adianta ter um estoque com altura maior do que o equipamento consegue alcançar.

Outros pontos importantes que devem ser considerados no momento da decisão de compra ou de aluguel de uma máquina do tipo empilhadeira elétrica ou de qualquer outro modelo entre os vários existentes são:

Piso do local: chão com buracos, emendas, algum tipo de falha ou piso irregular costumam gerar mais problemas nos modelos elétricos. Caso o local possui piso regular, plano e liso, trata-se de um lugar com ótimas condições para os maquinários elétricos.

Paletes: é necessário analisar quais os tipos de paletes que serão levantados pelo equipamento. Existem modelos de paletes que apenas determinados tipos de empilhadeiras conseguem transportar e, além disso, o tamanho dos paletes também pode ser um fator decisivo em relação ao tamanho do garfo da máquina.

VANTAGENS DA EMPILHADEIRA ELÉTRICA

A empilhadeira elétrica, quando comparada a outros modelos, apresenta uma série de vantagens. Como não funcionam por meio de um motor (como os modelos à combustão, por exemplo), mas sim através de uma bateria, possuem dimensões menores. Isso colabora para que o equipamento possa circular em corredores mais estreitos, o que conta como um ponto positivo caso o local de armazenamento das mercadorias não se possua dimensões grandes e estrutura com corredores mais espaçosos.

O fato da máquina não possuir motor também colabora para outro ponto: a não emissão de gases poluentes e, portanto, tóxicos à saúde das pessoas que estão no mesmo ambiente. Essa característica torna o maquinário eco friendly, termo americano traduzido com "amigável ao meio ambiente".

Além disso, por não precisarem de líquidos para refrigerá-la ou óleos para atuarem no funcionamento do motor, os períodos de intervalo de manutenção da empilhadeira elétrica costumam ser maiores. O funcionamento desse modelo é mais simplificado do que os demais mas tão potente quantos os outros existentes: os motores elétricos apresentam alta qualidade e grande resistência a temperaturas mais altas.

Uma outra vantagem acerca do modelo de empilhadeira elétrica é seu baixo ruído enquanto está em funcionamento. Isso colabora para um melhor ambiente de trabalho, em que será menos necessário a utilização de fones abafadores de ruídos ou protetores auriculares, por exemplo.

A qualidade de nível de trabalho do operador da máquina também é uma vantagem que deve ser levada em conta, visto que a empilhadeira elétrica possui grandes qualidades em relação a ergonomia, pois o funcionário que tem a responsabilidade de operar a máquina possui conforto para entrar e sair da mesma de forma simples e fácil, alem de possuir pleno controle das tarefas a serem realizadas de forma simplificada.

ONDE UMA EMPILHADEIRA ELÉTRICA PODE SER UTILIZADA?

Ao contrário dos modelos movidos à combustão, a empilhadeira elétrica é recomendada para ser utilizada em locais que tenham riscos de explosões, pois não gera gases poluentes. Outros locais que costumam receber a otimização da empilhadeira elétrica são as montadoras de automóveis e os supermercados.

Nos supermercados, a empilhadeira elétrica atua nos estoques. A ajuda desse maquinário é de grande importância, pois trata-se de um local que recebe, constantemente, abastecimento de mercadorias para serem comercializadas.

Nas montadoras de automóveis, locais que recebem constantemente cargas pesadas como escapamentos, motores e outras peças que envolvem a montagem de carros, a utilização de empilhadeira elétrica também se faz necessária. Geralmente essas peças são dispostas em pallets e a máquina tem capacidade de retirá-los do chão com facilidade e armazená-los nos locais que devem ser dispostos. Caso exista necessidade, a empilhadeira elétrica também realiza o transporte das peças do estoque até caminhões transportadores.

QUEM PODE OPERAR UMA EMPILHADEIRA ELÉTRICA?

O profissional cuja função é realizar as operações de uma empilhadeira elétrica é denominado operador de empilhadeira. Para poder desempenhar atividades relacionadas à este tipo de maquinário que, geralmente, envolve transportar cargas e mercadorias em grande escala, é necessário que o profissional conheça e domine as técnicas envolvidas nas operações com o máximo de segurança possível e agilidade.

A profissão possui regulamentação pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Para que se possa atuar como operador de empilhadeira são necessários alguns critérios, que são: ensino fundamental completo e curso específico, além da carteira nacional de habilitação (CNH) de categoria B ou superior.


produtos e serviços relacionados

Regiões onde a Aluguel Empilhadeira atende Empilhadeira elétrica:

  • Selecione a região do Brasil

Regiões onde a Aluguel Empilhadeira atende Empilhadeira elétrica:

  • Aclimação
  • Bela Vista
  • Bom Retiro
  • Brás
  • Cambuci
  • Centro
  • Consolação
  • Higienópolis
  • Glicério
  • Liberdade
  • Luz
  • Pari
  • República
  • Santa Cecília
  • Santa Efigênia
  • Vila Buarque
  • Brasilândia
  • Cachoeirinha
  • Casa Verde
  • Imirim
  • Jaçanã
  • Jardim São Paulo
  • Lauzane Paulista
  • Mandaqui
  • Santana
  • Tremembé
  • Tucuruvi
  • Vila Guilherme
  • Vila Gustavo
  • Vila Maria
  • Vila Medeiros
  • Água Branca
  • Bairro do Limão
  • Barra Funda
  • Alto da Lapa
  • Alto de Pinheiros
  • Butantã
  • Freguesia do Ó
  • Jaguaré
  • Jaraguá
  • Jardim Bonfiglioli
  • Lapa
  • Pacaembú
  • Perdizes
  • Perús
  • Pinheiros
  • Pirituba
  • Raposo Tavares
  • Rio Pequeno
  • São Domingos
  • Sumaré
  • Vila Leopoldina
  • Vila Sonia
  • Aeroporto
  • Água Funda
  • Brooklin
  • Campo Belo
  • Campo Grande
  • Campo Limpo
  • Capão Redondo
  • Cidade Ademar
  • Cidade Dutra
  • Cidade Jardim
  • Grajaú
  • Ibirapuera
  • Interlagos
  • Ipiranga
  • Itaim Bibi
  • Jabaquara
  • Jardim Ângela
  • Jardim América
  • Jardim Europa
  • Jardim Paulista
  • Jardim Paulistano
  • Jardim São Luiz
  • Jardins
  • Jockey Club
  • M'Boi Mirim
  • Moema
  • Morumbi
  • Parelheiros
  • Pedreira
  • Sacomã
  • Santo Amaro
  • Saúde
  • Socorro
  • Vila Andrade
  • Vila Mariana
  • Água Rasa
  • Anália Franco
  • Aricanduva
  • Artur Alvim
  • Belém
  • Cidade Patriarca
  • Cidade Tiradentes
  • Engenheiro Goulart
  • Ermelino Matarazzo
  • Guianazes
  • Itaim Paulista
  • Itaquera
  • Jardim Iguatemi
  • José Bonifácio
  • Moóca
  • Parque do Carmo
  • Parque São Lucas
  • Parque São Rafael
  • Penha
  • Ponte Rasa
  • São Mateus
  • São Miguel Paulista
  • Sapopemba
  • Tatuapé
  • Vila Carrão
  • Vila Curuçá
  • Vila Esperança
  • Vila Formosa
  • Vila Matilde
  • Vila Prudente
  • São Caetano do sul
  • São Bernardo do Campo
  • Santo André
  • Diadema
  • Guarulhos
  • Suzano
  • Ribeirão Pires
  • Mauá
  • Embu
  • Embu Guaçú
  • Embu das Artes
  • Itapecerica da Serra
  • Osasco
  • Barueri
  • Jandira
  • Cotia
  • Itapevi
  • Santana de Parnaíba
  • Caierias
  • Franco da Rocha
  • Taboão da Serra
  • Cajamar
  • Arujá
  • Alphaville
  • Mairiporã
  • ABC
  • ABCD
  • Bertioga
  • Cananéia
  • Caraguatatuba
  • Cubatão
  • Guarujá
  • Ilha Comprida
  • Iguape
  • Ilhabela
  • Itanhaém
  • Mongaguá
  • Riviera de São Lourenço
  • Santos
  • São Vicente
  • Praia Grande
  • Ubatuba
  • São Sebastião
  • Peruíbe